Bem-vindo a nossa Clínica de Reabilitação!

Atendimento : de domingo a domingo, 24 horas por dia.
  Nossos Contatos : (81) 991724641 Claro /(81) 9 8523.4166 Oi / (81) 9 9847.3488 Tim

Tratamento para alcoolismo

O alcoolismo é classificado como uma doença crônica que pode resultar em sérios comprometimentos psicológicos, cerebrais, fisiológicos, podendo também levar à morte. Para garantir resultado, a doença é tratada a partir das causas biológicas, psíquicas e sociais que levaram a pessoa a desenvolvê-la.

O tratamento reúne etapas importantes, como: desintoxicação, psicoterapia, ressocialização, na qual o paciente é preparado para o retorno ao lar e a sociedade.

O primeiro e mais importante passo no tratamento é a avaliação inicial: além, obviamente, de um exame da situação clínica do cliente, será necessário investigar as áreas de funcionamento do indivíduo (familiar, ocupacional, social, médica, psiquiátrica, forense, entre outras…). Para isto a necessidade dos exames laboratoriais, que hoje são exigidos por lei.

Com base nesta primeira avaliação, podemos determinar o grau de comprometimento do cliente com a dependência, ter uma primeira idéia de seu engajamento com o tratamento obtendo desse modo seu perfil.

Nosso Projeto Terapêutico trata o alcoolismo em todas as suas variáveis: doenças relacionadas, autoestima fragmentada, comprometimento da atividade cerebral, e outras complicações causadas pelo consumo do álcool. Buscamos, por meio de um treinamento de habilidades sociais, técnicas e estratégias, levar o cliente a entender sua realidade interior, resgatar sua autoestima, e assim, se reajustar à sociedade. Resgatar a saúde psíquica e emocional é o nosso foco, motivando o paciente na reestruturação de sua vida, adotando novos hábitos, saudáveis e produtivos, criando assim relações sociais estáveis.

  • Primeira fase: Desintoxicação
    Em nossa clínica de recuperação, o primeiro passo é o processo de ajuda ao dependente químico na fase da desintoxicação e síndrome da abstinência; contamos com profissionais para esta etapa que é a mais dolorosa para o dependente químico.
  • Segunda fase: Reabilitação psicológica
    Para a continuidade do tratamento do dependente químico, não basta parar com o consumo das drogas ou do álcool, precisamos resgatar no dependente químico a capacidade de pensar com clareza, estimular seu desenvolvimento e sua autoestima. O dependente químico precisa descobrir que existe uma maneira saudável de viver sem as drogas; esta é a principal fase do tratamento.
  • Terceira fase: Reinserção socialNesta fase, o dependente químico volta a ter contato com a sociedade, desta vez com uma visão positiva da vida. Durante este período, o interno faz visitas terapêuticas, retornando ao convívio com a família. Em seu retorno a comunidade o dependente químico trabalha com a equipe as dificuldades encontradas até atingir o equilíbrio necessário para uma vida saudável.